Beautiful Mess - Capítulo 5

                                                        Especial de Halloween


                                                         Se isso amar, então amar é fácil
                                                           É a coisa mais fácil de fazer
                                               Se isso é amar, então o amor me completa
                                              Porque parece que eu estive sentindo sua falta

Respirei fundo. Vou ter que usar os três passos que eu fiz a uns três anos atrás para não se apaixonar pelo “Liam-Gostoso-Tudo-Que-Há-De-Bom-Meu-Professor-Payne” logo que o vi.

— Olá Batman! — falei um tanto irônica para meu professor. — O que faz aqui? — perguntei virando minha cadeira de novo para frente.

Passo um: evite contato visual. O olhar de Liam é profundo demais, você pode acabar se apaixonando. 
— Ei! Não sou tão velho assim, adoro festas. — ele sentou ao meu lado fazendo sinal para o barmen.
— Adora tanto que dança que é uma beleza em! — eu disse olhando para o lado oposto que ele tava.
— Eu danço maravilhosamente bem! — ele respondeu rindo. — Um Martíni Red. — ouvi ele pedir que eu calculei que deveria ser para o barmen. — Tem idade para beber isso? — ele perguntou e eu olhei para ele e depois para onde apontava: minha bebida que fora esquecida.
— Olha eu seu redor. Tem gente se drogando com dezoito anos, meu Martíni é coisa mais leve existente aqui.

Ele balançou a cabeça em negativo e tomou minha bebida do balcão e bebeu em meros trinta segundo. Ele fez um barulho de pura satisfação quando terminou e minha boca virou o “O”.

— Ei! Eu iria beber!
— Ei você não tem vinte e um. — ele responde e o barmen deixou uma bebida vermelha no balcão. — Sr. Nada de bebidas para essa moça. 

O barmen apenas assentiu e foi embora e eu fuzilei Liam com todo meu ódio.

— Cadê sua namorada? Vai lá dançar com ela! 
— Minha namorada está trabalhando.
— Sério eu acho que você é viado e tem um caso de amor gay com o Zayn e sua namorada nem existe. — eu respondi olhando para frente. 

Ouvi suas gargalhadas e logo uma resposta/pergunta:

— E sua irmã?
— Ela... bom ela, deve fingir namorar com Zayn porque ele é o melhor amigo gay dela. — eu respondi olhando Liam que começou a rir novamente.
— Sua mente é bastante fértil Dona Silena. Mas não, eu não tem um caso com o Zayn, nós não somos gays e minha namorada existe sim, só que ela trabalha muito. 
— Ou te trai! — eu respondi olhando para frente ainda.
— A Danielle não me trai. Ela realmente trabalha muito. — ele respondeu com uma calma impressionante.
— ‘Okay! Mas porque ainda está aqui?
— Estou lhe fazendo companhia horas! Você sempre fica isolada nas festas, não fica com ninguém, afastada dos amigos, dos rapazes...
— Olha se eu não fico com nenhum menino é isso que você quis dizer, é opção minha. — respondi firme. — Se quiser posso ir ali na pista agora e ficar com quem eu quiser.
— Duvido!
— Quer ver?
— To apostando.

Passo três: nunca prolongue o assunto. Pode acabar em merda.

Me levantei e olhei para Liam e sorri maliciosa caminhando — ou rebolando encare como quiser — para um pouco longe dele. Fiquei em um local afastado dele porém ele teria uma visão perfeita de mim. Fiquei parada pista até identificar o que tocava: Dominó. Jessie J. ‘Hum, pode ser útil. 

Comecei a me misturar na pistar e pular mexendo os quadris, claro, sempre tendo a certeza que Liam estaria me olhando. Vi uma coisa que poderia me ser útil: Jason. Jason é um menino que desde o primeiro ano mantenho um rolo. Ele olhou para mim e sorriu de lado e eu apenas mordi os lábios como um sinal de: vem.

Ele veio esbarrando nas pessoas, e quando chego perto de mim, coloco sua mão em minha cintura e puxou meu corpo para colar no dele.

Gosto dele por causa disso: sem enrolação.

— Saudades baby! — ele disse mordendo meu queixo.
— Seu sentimento é mutuo. — mordi os lábios ao encarar seus olhos. 
— Bom saber. Pensei que tinha me esquecido Batgirl.
— Jamais GogoBoy. — falei me referindo a sua fantasia, ou a falta dela.
— Odeio enrolação.
— Eu também.

Como eu disse direto ao ponto. Ele colocou a mão em meus cabelos e tomou meus lábios. Sua linguá nem pediu permissão a minha boca e adentrou dentro dela. A música agora era mais alta, tão alta que eu podia sentir meus tímpanos doendo.

Rodeio nossos corpos e abri meus olhos encontrando o olhar de Liam. Fechei meus olhos novamente e senti a mão de Jason descer para minha bunda. Não que eu gostasse disso, mas isso era perfeito para mim. Girei nosso corpos novamente para que Liam olhasse a mão de Jason em minha bunda.

Quando o ar nos faltou, nos separamos e eu dei uma desculpa quaisquer para Jason falando que iria no bar mas assegurei ele que voltaria. 

Andei até o bar e me sentei na cadeira de antes, com tamanha cara-de-pau que eu me impressionei com a mesma, olhei para ele e sorri cínica. 

— Sua maquiagem tá borrada. — ele disse aparentemente bravo.
— Foi por uma justa causa.
— Aquilo era uma justa causa? 
— Era... o se era.
— ‘Hum... 
— Sabe, o Jason beija muito bem, ele é gostoso também, aposto que é bom de cama. Olha aquele monumento imagina aqui na sua cama te beijando... aiai. Não sem contar que deve ser fodidamente sexy gemer Jason. — falei mordendo os lábios e corando internamente para o que eu ia dizer agora. Cheguei perto do ouvido de Liam e gemi: — Oh Jason!

Em um piscar de olhos vi Liam se levantar e puxar meu braço. Caminhamos até a área mas afastada da festa e ele me olhou profundamente. E ele fez uma coisa que eu nunca esperaria. Ele me beijou. Simplesmente me beijou.

Passo três: Nunca provoque seu professor, ou ele pode acabar te beijando.

“E um novo passo foi adicionado a lista: se tudo der errado, esqueça todos os passos e tente não se apaixonar.”

Hey, ho, let's go!
Babys! Como vão? Para deixar a madrugada de vocês mais alegre eu to aqui ~joguem purpurina porque eu to passando~ Sei que o capítulo do beijo não ficou, oooooooooooooh, que capítulo bom! Mas ficou maneirinho gente! Os capítulos vão melhorar, juro, juradinho! Agora até o capítulo 6, tunts tunts tunts, quero vê!
Beijos de uva, Cah.

7 comentários:

  1. Continua fllllor

    Xxbih

    ResponderExcluir
  2. Prefeito. Cada dia eu amo mais esse blog. Continua logo!!
    Beijinhos, Bell

    ResponderExcluir
  3. Puta merda seriio LIAM (27) e SILENE ( 18 ) mais Ta pft

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar
Críticas construtivas são aceitas.
Não desrespeite as autoras do blog. Comentários ofensivos ou com linguagem imprópria serão excluídos.
Não peça para divulgar seu blog/página, existe uma página para isso aqui.
A comentário tem que ter relação com o assunto da postagem
Deixe o link do seu blog no final (sem o http) para retribuir a visita
Não aceito mais selos
Volte sempre ♥